terça-feira, 20 de julho de 2010

Dia do amigo (redes sociais vs amizade)




Acabei de ver um entrevista no telejornal, e claro, não podia deixar de vir cá testemunhar. Hoje é o dia do Amigo. Um senhor que estava a falar sobre isto, diz que não gosta muito de haver um dia para tal coisa, pois este tipo de dias tem de ser durante os 365 dias do ano, e não apenas um. Até aqui concordo. A amizade é como o amor, há que ser alimentado todos dias. Temos que dar sem esperar nada em troca.
Um dos assuntos que se falou foi o facto de as redes sociais virem influênciar o conceito de Amizade.  Hoje em dia, há pessoas que já não conseguem distinguir aquilo que são amigos, colegas, conhecidos, uma vez que estão tão colados ao mundo virtual, que misturam tudo e esquecem-se daquilo que é real. A diferença entre estes dois conceitos é grande, uma vez que normalmente as amizades virtuais tem tendência a terminar mais rápido, pois normalmente as pessoas (através as redes sociais) querem satisfazer uma curiosidade, ou uma necessidade, e quando assim é, tendem em não falar mais, em esquecer. Normalmente quando começa om contacto entre as pessoas, são designadas de "colegas". Isto, foi o que o comentador disse, mas no entanto não se pode generalizar, uma vez que é possível sim, fazer Amigos com "A" grande através das redes sociais (facebook, MSN). E esses "colegas" (pouca % deles) poderão acabar por se tornarem Amigos.
Concordo que hoje em dia, as redes sociais vieram banalizar o conceito de Amizade, pois, Amigos de coração, de alma, de verdade tem-se poucos. Quem tem muitos, ou quem normalmente diz ter muitos, provavelmente não tem assim tantos, e tem necessidade de afirmar que os tem.

O que acham sobre isto? As redes sociais vieram mudar o conceito de Amizade?

Feliz dia do Amigo, lembrem-se que amigos não são aqueles que estão todos dias connosco, mas sim aqueles que todos dias nos tocam no coração, mesmo que estejam longe ou por perto.

1 comentário:

Vera, a Loira disse...

O meu coração é tão grande que cabe sempre mais um. As redes sociais até podem podem ter-me feito conhecer várias pessoas e vários amigos e eu nunca esqueço nenhum.