terça-feira, 26 de junho de 2012

Realidades de cá.

Não têm noção da quantidade de pessoas que atendo todos dias com inúmeros dificuldades financeiras. Desempregadas, sem dinheiro, com filhos a cargo... É nestas alturas que gostava de sentir orgulho de Portugal.

1 comentário:

Katia disse...

olha já somos dois
bjs*