segunda-feira, 29 de outubro de 2012

Estados de alma.


Gostava que esta verdade continuasse a ser mentira. Ainda estou a digerir tudo e não estou a conseguir sequer acreditar naquilo que realmente é verdade. Saber muitas vezes a verdade dói. E não é pouco. Foi real, mas ao mesmo tempo não foi! Parece que o orgulho que tive, em pensar que tinha aquilo, foi em vão. Foi deitado ao lixo, foi falso, não valeu de nada. Foi mísero, irreal. Perdi algo que nunca cheguei a ter. A sensação é das piores que já tive, misturada com desilusão, angustia, tristeza, revolta... Não sei em que pensar. Não dá para acreditar... Tenho a cabeça à roda, as ideias baralhadas, os sentimentos confusos. É hora de encarar a realidade e destruir qualquer tipo de ligação que exista em toda essa mentira, mas custa... 

1 comentário:

Bárbaraaa disse...

gostei do blog! estou a seguir! continua :)