sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

Não tive poucos Amigos, tive os necessários!


Nos dias que correm muitas pessoas não sabem o verdadeiro sentido da Amizade. É muito mais que dizer "eu conheço-o. Sou amigo dele". Isto para mim não vale nada. Sempre me liguei muito às pessoas, e esquecia-me daquelas a quem eu podia-me ligar. Apostava tudo na pessoa quando me ligava a ela. Não abri os meus horizontes, é verdade. De há uns anos para cá, comecei a ver melhor o significado da Amizade. É como o Amor, tem de ser alimentado. Talvez de maneiras diferentes, mas não muito distintas. Em pouco diferem. Hoje, encontro-me num mar de poucas ondas. Creio que perdi muita gente, e por vezes penso que me estou a afogar e não encontro porto algum. Falo de amigos mais presentes. Tenho os meus, mas sinto a falta de atitudes que me toquem. Confesso que por ser como sou, antes mostrava realmente aos meus amigos que era um amigo, nem que fosse apenas com palavras. Deixei-me um bocado isso, pois não era conhecido. Até hoje, foram poucos aqueles que realmente me tocaram o coração. Não deixei de gostar dos meus amigos, mas uma pessoa gosta sempre se ser reconhecido, de ter um ombro, de ouvir uma palavra. Não sei porque assim é, mas por alguma razão é. Recordo muito os momentos que passámos e me dão uma saudade tão grande e até me questiono porque nada é assim? Sinto que está na altura de expandir o horizonte até outra gente. Quero também este ano, voltar a ligar-me a amigos que não vejo há anos. Sim, anos. Confesso que também me descuidei um bocado, mas mesmo lá longe, consigo sentir aquela coisa que chamam de Amizade. A distância pode separar olhares, mas não afasta o sentimento que as pessoas tem. Apesar disto tudo, sei que sou melhor amigo que amante.

4 comentários:

Só Avulso disse...

Eu também já perdi muitos amigos pelo caminho e não me orgulho disso. Talvez não soube alimentar a amizade tanto como investia no amor. Agora sem amor volto-me para aqueles que ainda posso chamar de amigos e vejo que em determinados momentos da nossa vida a sua presença é tudo.
bjs***

Daniel Silva (Lobinho) disse...

Um texto bem verdadeiro. Ha que fazer sempre novos amigos, remar também noutros mares, não duvidar tanto e deixar cair a exigência entre amigos e conhecidos, porque por vezes um conhecido pode ser muito melhor do que um amigo.

Um abraço grande :)

honney m disse...

adorei, segui (:

honney m disse...

secalhar é melhor, mas por enquanto não há barriguinha :)