sábado, 9 de outubro de 2010

Cruéis na Infância


O autocarro que todos dias apanho para ir para o trabalho, vai cheio de miúdos do 2º ciclo (5º e 6º ano). É engraçado por vezes imaginar que um dia também tive aquele tamanho, que um dia fiz aquele caminho, que um dia estive no 5º ano, onde tudo era bem mais fácil. Mas adiante...
Ouço com cada conversa que não vos passa pela cabeça. Os miúdos dizem com cada coisas mais parva, e penso para mim "Não me lembro de ser assim!". E dou-vos a certeza do que digo! 
Essas crianças vão a viagem toda com disparates atrás de disparates, conversas sem nexo, gozam uns com os outros, criticam e são falsos. Imaginem entrarem no autocarro e começarem-vos a chamar "ratazana", "atrasada mental", ou então "xiii a ratazana tem ratazanas lá dentro..." Tudo a rir, tudo a gozar... Imaginem o que não é ver miúdos de 6º ano a meterem-se com miúdos de 5º ano. Ok, a diferença não é muita, mas nalguns casos é. No outro dia ia-me meter num destes episódios, em que dois estavam a humilhar um e queriam bater-lhe. Mas depois lá pediram desculpas e ficaram Amigos. Pelo menos ali dentro. 
Tudo isto, e cenas de falsidade entre eles mete-me imensa confusão. Os miúdos não tem educação em casa e isso vê-se a caminho da escola. Enfim, este é o mundo nosso, onde as crianças desde de cedo começam com a sua crueldade.

6 comentários:

Lady Me disse...

Quando ia pra faculdade de autocarro também ia num desses e via cada coisa! Eu não era assim! Fazia barulho mas não humilhava os meus colegas. Uma vez até fui falar com o "gordinho" gozado, dizer que tudo ia ficar bem e pra não ligar, quase chorei. São mesmo cruéis!

ButterFly disse...

Uiii apanho com cada um no autocarro.. No outro dia quase mandei um tabefe a um....A empurrar! disse-lhe para ter cuidado começou a falar mal.. Disse-lhe logo "Não tens educação em casa eu dou-te um par de estalos aprendes logo."...São selvagens. Os miúdos são cruéis

Lu disse...

percebo-te tao bem..à 3anos, quando apanhava o autocarro, fazia-me imensa confusao estar na parte de tras do autocarro com os meus amigos e ver a parte da frente aos gritos e não diziam nada de jeito, nada que fosse para o bem deles ou dos outros...

Jana disse...

Compreendo perfeitamente. Sempre que vejo cenas destas, penso, será que um dia também fui assim?! Mas acho que não. Tinha muito mais respeito pelos colegas e principalmente por as pessoas mais velhas que também iam no autocarro.

Amora disse...

Eu não vejo isso no autocarro mas vejo na escola, putos do 7º e 8º ano super mal educados. Não digo que nunca fui mas nunca daquela maneira. E a culpa é dos pais.

JoanaC. disse...

não serei assim tão dramática, mas no meu autocarro vejo o mesmo. Falam tao alto e depois metem a musica aos berros, enfim. Todos nós passamos por fase mais ou menos parva, mas a verdade é que a má educação não tem desculpa e cada vez menos os miudos têm respeito uns pelos outros. Falta ensinar-se-lhes que se têm de por no lugar do outro e, sinceramente, se não for a familia a faze-lo, não sei quem o faz..