sábado, 26 de janeiro de 2013

feelings

"Mantenho em mim uma memória cerrada. Um mar de sentimentos inexplicáveis, um misto de emoções. Uma chama ardente que aumenta a cada situação, a cada pensamento, a cada recordação. Uma dúvida constante, uma certeza ausente, um medo permanente! O que é, não sei. Mas, há sempre um mas. É algo inevitável, algo instável. Uma lágrima, um aperto... por fim vem a nostalgia do que um dia foi."

1 comentário:

luís rodrigues coelho Coelho disse...

Pois este feeeling é o que nos faz correr mesmo cansados...

É o que nos faz amar mesmo esquecidos...

É o que nos perdoar acreditando na mudança...