domingo, 17 de agosto de 2008

desabafo?

Pois é manu, desde que foste muita coisa se passou, acho que tens assistido a tudo. Apesar de muita alegria, ha muita trsiteza entre todos nós, por varios motivos acredito, mas essencialmente por um.
A vida tem seguido, tenho tanto para te dizer, nem sem bem o que.. nem por onde começar. Um dia destes conto-te tudo, talvez nao aqui, mas no meu coração, é lá que estás, é lá que te sinto.
Tenho vivido um dai de cada vez, nao sei se da melhor forma mas tento. Tenho estado com a Lucia, tivemos juntos uma semana no casamento do ano, e agora na hungria Uma grande viagem. Gostei mesmo. Divertimo-nos muito. Se bem que aquela comida xD Enfim muita coisa tem acontecido aqui, e sabes, pra te ser sincero, sinto me sozinho, lembraste que alguma novidade, algum drama, alguma duvida, alguma queixa, alguma brincadeira eras a 1ª pessoa a quem me dirigia. Agora tu nao estas aqui. A quem me vou dirigir. Sinto falta de alguem so pra conversar. Eu nunca estive contigo, mas parece que estive, e daria tudo para um dai estar. Foram aquelas conversas, aqueles risos que me marcaram e me fizeram ver daqui a pessoa que eras. Nao sei o que faça, tenho pessoas que me amam que gostam de mim tal como eu delas, as vezes nao mostro é certo, mas estou um pouco assim para o perdido. NAo sei para onde me virar, faço as coisas a pensar que estou a fazer bem e sao erradas. Onde estas tu agora manu? So queria uma palavra para saber que estas ai onde estas. Nao tive oportunidade para te dizer tudo o que se atravessa aqui. Estou assim, estamos assim. Os teus estao assim, e aqui sou um desconhecido para quase todos eles. Nao os posso ajudar como queria, nao pude estar contigo se calhar muitas vezes como queria. No entanto, peço desculpa se um dia eu te tenha falhado, e agradeço ao mesmo tempo o que me ensinas-te. Fazes imensa falta. Aquele amigo especial. Venha quem vier ninguem te consegue superar. Doi-me pensar que tudo passou. E que de um momento para ficamos mais pobres...
Gostaria de poder desabafar novamente contigo para me ajudares a resolver estes problasm que me assombram, esta instabilidade. Por vezes isto é tudo complicado, mas as pessoas ainda complicam mais. Gostaria de te ouvir e saber o que faço. Nao entendo. Ha muita coisa que nao entendo, e que se calhar se tivesses aqui fazias me entender. =(
A saudade que aqui mora é enorme, pode parecer que nao mas mora, e acho que me arrependo de uma coisa que nao fiz, que foi dar te o ultimo Adeus, espero que me tenhas dado o perdão, penso nisso varias vezes. Se pudesse virava o Mundo do avesso para te encontrar de novo e trazer te de volta para a vida que aqui está. Mas nao posso.. so me resta esperar e um dai ir ter contigo mais aqueles que esperam pelo mesmo.


Até um dia Amigo, nunca mais te vou esquecer. ='( Amo-te...

3 comentários:

Kitty disse...

O que o joão era pra nos, o que o joao significa pa nos nada, nem ninguem o irá mudar...talvez nunca encontres essa pessoa que seja como ele era para ti. mas quero que saibas que estou sempre aqui para te ouvir, para te perceber, para estar contigo. compreendo as tuas duvidas e a falta de alguem que esteja contigo para te as fazer entender. sinto falta tambem de algo que ja passou, mas temos de ter força, temos de estar juntos, estes que sentem a falta. e se és um desconhecido para essa gente como tu julgas, acho que te enganas...porque se tu eras parte do joao es parte deles tambem, deixas de ser um estranho...

confia em mim

ANA disse...

:(
A vida nao é facil nao é? Eu costumo dizer k tudo mas mesmo tudo tem um lado positivo... Só k ha coisas k por mais k tentemos perceber, eskece... Nao entendemos... E essa razao (o tal lado positivo) parece nao existir... Mas existe sim meu kerido... Apesar de tudo, acredito k existe!! Tem k existir!! Temos k tirar partido de tudo o k nos acontece, de bom e de mau, por pior k essa coisa seja!!!

Beijinhos... :)

# Soraia # disse...

A vida para nós é muito injusta, pois so nos leva as pessoas mais querida, as pessoas que nos fazem mais falta, mas a verdade mesmo que custe é que nos conseguimos ultrapassar e viver mais um dia...
Apesar de toda a dor e sofrimento, temos que viver ca dia, um de cada vez...


Falar é completamente fácil, quando se tem palavras em mente que expressem sua opinião. Difícil é expressar por gestos e atitudes o que realmente queremos dizer, o quanto queremos dizer, antes que a pessoa se vá.
Fácil é julgar pessoas que estão sendo expostas pelas circunstâncias.
Difícil é encontrar e refletir sobre os seus erros, ou tentar fazer diferente algo que já fez muito errado.
Fácil é ser colega, fazer companhia a alguém, dizer o que ele deseja ouvir.
Difícil é ser amigo para todas as horas e dizer sempre a verdade quando for preciso. E com confiança no que diz.
Fácil é analisar a situação alheia e poder aconselhar sobre esta situação.
Difícil é vivenciar esta situação e saber o que fazer. Ou ter coragem pra fazer.
Fácil é demonstrar raiva e impaciência quando algo o deixa irritado.
Difícil é expressar o seu amor a alguém que realmente te conhece, te respeita e te entende.E é assim que perdemos pessoas especiais.
Fácil é mentir aos quatro ventos o que tentamos camuflar.
Difícil é mentir para o nosso coração.
Fácil é ver o que queremos enxergar.
Difícil é saber que nos iludimos com o que achávamos ter visto. Admitir que nos deixamos levar, mais uma vez, isso é difícil.
Fácil é dizer "oi" ou "como vai?"
Difícil é dizer "adeus". Principalmente quando somos culpados pela partida de alguém de nossas vidas...
Fácil é abraçar, apertar as mãos, beijar de olhos fechados.
Difícil é sentir a energia que é transmitida. Aquela que toma conta do corpo como uma corrente elétrica quando tocamos a pessoa certa.
Fácil é querer ser amado.
Difícil é amar completamente só. Amar de verdade, sem ter medo de viver, sem ter medo do depois. Amar e se entregar. E aprender a dar valor somente a quem te ama.